Especiarias: Gergelim

nov 10, 2014 Sem comentários by

 

 

O Gergelim é uma planta originária do oriente.

Sua função primeira sempre foi a medicinal.

É bastante cultivada na Ásia Tropical por causa de suas sementes, que fornecem até 50% de óleo (ou azeite) confeccionado de sementes cruas e aquele de sementes previamente torradas resultam em dois produtos distintos, sendo o último mais utilizado como condimento em pratos orientais.

Ela também é muito conhecida como sésamo, utilizada para prisão de ventre ou para combater hemorroidas. É planta muito utilizada para combater o colesterol mau e o excesso de açúcar no sangue. Além disso, melhora a elasticidade da pele, atrasa o aparecimento de cabelos brancos e fortalece os tendões e ossos, dizem especialistas da área fitoterápica.

A planta gergelim é vista com mil e uma qualidades. Pesquisadores afirmam que ela tem ação adstringente, analgésica, antidiabética, antidiarreica, anti-inflamatória, bactericida, diurética, relaxante e repelente.

Algumas propriedades estudadas da especiaria gergelim. É abundante em cálcio: em 100gr de gergelim encontramos 417 mg  , ou quatro vezes mais que leite e derivados;  proteínas (20 %) de alto valor biológico, formadas por 15 aminoácidos diferentes com elevada proporção de metionina (aminoácido essencial); Vitaminas, especialmente a E (tocoferol) a B1 ou Tiamina  (0,1 mg por 100 gr) e a B2 ou riboflavina (0,24 mg por 100 gr); minerais e oligoelementos diversos, especialmente cálcio, fósforo, ferro, magnésio, cobre e crômio.

 

A melhor forma de consumir a semente é na forma integral; crua e com casca.

As sementes de gergelim harmonizam bem na preparação de pães, bolos, bolachas, sopas, saladas, iogurte e feijão.

 

A especiaria gergelim também é indicada para quem procura boa forma ou mesmo uma dieta equilibrada, pois ela possui grande quantidade de fibras, o que auxilia no bom funcionamento do intestino.

Ela tem o poder de aumentar a saciedade, pois apresenta uma casca rica em fibras, que leva mais tempo para ser quebrado e digerido pelo organismo, assim acaba estendendo o período de “sentir fome”. Além das proteínas que estão presentes na semente, onde também auxiliam neste processo e ainda previnem a flacidez.

 

Qual seria a quantidade adequada para o consumo? Não há pesquisas suficientes para ter certeza da quantidade diária exata que devemos ingerir, porém alguns estudos mostram que a ingestão de 30gr/dia já nos traz benefícios, como a redução do risco de diabetes e obesidade por exemplo.

 

Em todos estes casos, vale sempre o velho e bom conselho: procure sempre um especialista de sua confiança, que ele irá analisar o seu caso especificamente e fazer a melhor recomendação.

Destaques, Especiarias, Gergelim Tags: , , , , , , , , , , ,
Nenhum Comentário para “Especiarias: Gergelim”

Deixe seu comentário